Sunday, May 11, 2008

Amores mal-resolvidos

Dos meus amores mal-resolvidos guardo boas lembranças e algumas cartas inacabadas. Guardo desenhos confusos e algumas velhas notícias. Guardo também muitas noites mal-dormidas e uma ou outra manhã mal-acordada.

Dos meus amores mal-resolvidos guardo todos os cigarros que eu nunca quis fumar e todas as palavras que preferi não mencionar. Guardo os poemas nublados assim como o céu incompreendido. Guardo também pequenas fobias e grandes oportunidades perdidas.

Dos meus amores mal-resolvidos guardo a melancolia de uma manhã chuvosa de Domingo e a raiva de uma tarde ensolarada de Segunda. Guardo as roupas, os cheiros, os hábitos e um bocado de boas risadas. Mas não quero rir agora.

Dos meus amores mal-resolvidos guardo quase tudo menos mágoas porque sei que são eles que me guardam dia e noite e me aguardam noite e dia como se, um dia ou uma noite qualquer, eu fosse tentar resolvê-los.

17 comments:

:: Daniel :: said...

Dos amores mal-resolvidos, eu guardo as perguntas por não ter dado certo (meu lado algoz), a esperança de que pode dar certo (meu lado ingênuo e pueril). Mas sempre de pés no chão (meu lado que se apresenta nos últimos anos). Por isso não sonho tanto com a manhã ensolarada de segunda-feira.

Abraço!

FlaM said...

dos meus amores mal resolvidos eu guardo as soluções que encontrei – os filhos, os frutos, as flores e dores que plantei. dos meus amores mal resolvidos eu guardo o mal e o bem. dos meus amores mal resolvidos eu guardo tudo, o ouro, o tesouro, o ouro de tolo. Aprendo com os ganhos e os danos. O que é prêmio eu exibo, o que é lixo eu reciclo – eu corro o risco e o faço rico e riso.

Belas imagens, Pgabi! Adorei poemas nublados...
bj, f

Juliaray said...

Dos dissabores desta vida,
guardo somente o prazer inicial
e o acre final.
Medos, ilusões, coragem, razão
em algum lugar escondeu o Coração.

Talita. said...

Legal, gostei da brincadeira.

Dos amores mal-resolvidos eu não queria guardar nada. Prefiro jogar fora o mal e trocar o tempo e o verbo: deixar exposto o amor se resolvendo.

Ó, esse texto não vai pra segunda pessoa. Assim, diretamente.

Morganna said...

dos amores mal-resolvidos eu guardo o meu silêncio. e só.

Maria Fernanda said...

dos amores mal-resolvidos guardo apenas lembranças de tempo bom. E não tento resolvê-los.

Bárbara (B.) said...

Será que ainda vai ser tempo de resolvê-los? Talvez seja melhor deixar pra lá...

●๋•• ღ KårîÑîi ღ ●๋•• said...

Dos meus amores mal resolvidos, eu não guardo máguas e agora não espero mais que eles se reslvam...Dos meus amores mal resolvidos eu guardo a esperança de um dia encontrar um amor de verdade!

summer bird said...

caralho, que coisa linda (:

e dos meu amores mal-resolvidos eu guardo a saudade.

O despertar de uma nova vida said...

Dos meus amores mal resolvidos guardo um vidro com lágrimas choradas, um pote com mel de noites ardentes, um vaso com o amargor de palavras não proferidas, e de tempos em tempos uso os ingredientes para me fazer uma receita de experiência.

reticências(...) said...

dos meus amores, guardo dores, flores, sabores...guardo e sem querer eu guardo. Porque querer pra mim era reviver...doi a sensação de uma vida toda pra viver, sem, a emoção, a calma, a vontade... Mas se não me cabe esquecer, se o que fica é só a imensa saudade de merecer
...o que resta é a espera solitária de esquecer.

Anonymous said...

Do MEU AMOR MAL RESOLVIDO que tem data certa para acabar, ficarão grandes lembranças, pergunta de porque tem que acabar assim, de como seria se pudéssemos continuar e a saudade.. Ah, e essa vai ser enorme! Do MEU AMOR MAL RESOLVIDO ficará risos, alegrias, carinhos e principalmente a certeza de que tudo, mais tudo foi e até o dia de acabar será feito com MUITO AMOR.

Lady Gaga said...

Dos amores mal-resolvidos, eu guardo as tardes que sorrimos,que nos beijamos, das promessas não compridas,do "eu te amo" dito pelos olhares,guardo o toque das mãos,dos momentos bobos e simples,tudo isso eu guardo,pois mesmo que eu tente esquecer,eu sempre irei lembrar.

kallila said...

dos amores mal-resolvidos eu guardo o calor dos corpos,o tremor das mãos, a delicia dos beijos, o olhar, o cheiro, pensamentos, emoçoes vividas e sentidas, sonhos sonhados,lágrimas derramadas, e a dor da partida, mas levo principalmente a certeza de que fiz tudo para ser feliz, e fui por alguns momentos...

kallila said...

dos amores mal-resolvidos eu guardo o calor dos corpos,o tremor das mãos, a delicia dos beijos, o olhar, o cheiro, pensamentos, emoçoes vividas e sentidas, sonhos sonhados,lágrimas derramadas, e a dor da partida, mas levo principalmente a certeza de que fiz tudo para ser feliz, e fui por alguns momentos...

Pabú said...

Do meu amor Mal Resolvido, guardo o sentimento de covardia, fui covarde em não dizer o que sinto. Tive a oportunidade de dizer que o amava, que queria estar com ele de qualquer forma, mais fui medrosa, ou covarde. Hj guardo fotos, musicas, numero de telefone, perfume, comidas preferidas, filmes preferidos... e um sentimento que não volta mais. Hj sinto amor, sozinha, amo tanto...

Outro cara de uma banda said...

Dos meus amores mal-resolvidos tem ficado poemas, mesmo não gostando tanto destes. Dos meus amores mal-resolvidos me restou uma vírgula para que possa continuar essa oração por contra própria, quando queria eu que fosse escrita a dois. Dos meus amores mal-resolvidos fica a falha na resolução.