Thursday, May 17, 2007

Quase um enterro

Telas pintadas de cinza decoram os dias mais tristes, mais livres e inúteis
Belas moças desfilam a toa na sala vazia, sem rumo nem lustres
Tê-la é vê-la distante, imóvel, deitada e branca num banco parado
Portas abertas fecham saídas enquanto, por dentro, bichos indóceis divertem seus donos,
A mesa quebrada não deixa saudade e os poetas e as putas disputam amores.
Tê-la é vê-la distante, imóvel, deitada e branca num banco parado
Velas acesas queimam sem pressa: fotos e fatos e restos de vida.

1 comment:

Juliana said...

Muito bom seu blog... Parabéns!
Se gostas de rir, entre no meu vibeflog e, sendo assim, estarás convidado para "A praia do sarcasmo"... UM vibezinho de humor negro... Passa lá...

Link:
http://www.vibeflog.com/sarcasmo

vlw...